Lei de desburocratização para microempreendedores em Palhoça

Lei de desburocratização para micro empreendedores em Palhoça tem nova legislação que amplia ainda mais as expectativas de crescimento, número de novas empresas em 2019 já supera o registrado em todo o ano anterior. 

O prefeito Camilo Martins assina nesta quinta-feira (11) a Lei Complementar nº 272/2019, que estabelece a simplificação do registro e da legalização da atividade econômica dos Microempreendedores Individuais (MEI’s).

A nova legislação melhora ainda mais as expectativas de crescimento do setor no município, que aumentou a arrecadação de Imposto Sobre Serviço (ISS) em 13,28% no primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado. O número de empresas abertas em Palhoça de janeiro a junho deste ano já supera 2018, com mais de 22 mil empreendimentos iniciados e 43.323 novos postos de trabalho.

O fomento ao empreendedorismo com leis municipais que favorecem empresas inovadoras, incentivos fiscais, agilidade na abertura e no atendimento de pequenos e grandes empreendimentos, além de capacitações técnicas frequentes, permitem que a cidade seja competitiva no mercado.

“Conseguimos atrair grandes e importantes empresas, porque criamos um programa de incentivos fiscais e econômicos, garantimos uma legislação moderna e segurança jurídica, que tornam nossa cidade um ambiente favorável para negócios”, avaliou o prefeito Camilo Martins.

“Os incentivos na cidade me deixaram seguro e motivado para dar um salto nos negócios. Essas iniciativas, aliadas à segurança jurídica, funcionam como uma espécie de incubadora, estimulando o desenvolvimento das empresas nas primeiras etapas de suas vidas”, afirma Laércio Pereira Júnior, empresário do mercado de automóveis há mais de duas décadas no município e que, nos últimos anos, desenvolveu o aplicativo “Repasse”, que facilita a compra e a venda de veículos entre lojistas de todo o país.

Outras empresas de destaque nacional e internacional, que se instalaram no município no último ano, foram a Labellamafia, Welle Laser Technology, Essenthia Pharma e Flex Contact Center.

Fonte e Imagem Secretaria de Comunicação PMP– Publicação Jornal Estado Notícias SC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *