Prefeito de Biguaçu representa municípios catarinenses na busca dos Bilhões do pré-sal

 

O prefeito de Biguaçu Ramon Wollinger representou em Brasília a Federação Catarinense de Municípios (Fecam) na mobilização pela aprovação do Projeto de Lei 5.478/2019, que trata dos recursos da cessão onerosa do pré-sal. O valor estimado é de R$ 10,9 bilhões para os municípios, que poderá ser utilizado para investimentos ou dívidas e reservas previdenciárias.

O Prefeito Ramon e o vice Vilson Norberto Alves cumpriram intensa agenda na capital federal nessa quarta-feira (9). O vice-prefeito Vilson ainda está em Brasília, com reuniões marcadas no Ministério do Desenvolvimento Regional, no Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e em gabinetes de deputados.

Prefeito Ramon e o presidente da Confederação Nacional dos Municípios Glademir Aroldi

Na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o prefeito de Biguaçu acompanhou a deliberação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 152, que virou o PL 5.478/2019, aprovado no plenário da Câmara dos Deputados na noite dessa quarta-feira. Além da mobilização municipalista pela mudança no texto, a PEC foi transformada em PL com o objetivo de agilizar a análise e a aprovação, e agora segue para votação no Senado.

“Uma conquista para todos os municípios de Santa Catarina, pois os recursos oriundos da cessão onerosa do pré-sal permitirão o investimento e desenvolvimento de nossas cidades. É nos municípios que as coisas acontecem, somos nós que fazemos a máquina funcionar e por isso nos unimos, fomos a Brasília e conseguimos mudar o rumo da conversa. Tenho certeza que o Senado também aprovará e em breve estaremos colhendo os frutos dessa vitória”, afirmou Ramon.

Construção da terceira faixa da ponte e melhoria da iluminação

Prefeito e vice também estiveram na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), onde formalizaram duas importantes reivindicações: a construção da terceira faixa da ponte do Rio Biguaçu e a melhoria da iluminação do trecho da BR-101 no município.

Durante a reunião, o prefeito mostrou imagens do acidente que aconteceu na última segunda-feira (7), quando um caminhão tombou na rodovia. “Mostramos imagens da ponte e do acidente, comprovando a necessidade urgente da construção da terceira faixa nesse trecho, evitando as filas constantes, perdas materiais e humanas”, explicou o prefeito.

Outro pedido foi a iluminação do KM 197 ao KM 193 da BR-101, sentido norte. Ramon ressaltou que “esse trecho corta a área urbana da nossa cidade e a sua iluminação contribuiria de forma ímpar para a urbanização de Biguaçu, trazendo mais segurança e conforto a todos que ali trafegam”.

Alteração do traçado das linhas de transmissão

Na Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o prefeito solicitou a modificação do projeto das linhas de transmissão que tiveram o traçado inicialmente apresentado alterado em algumas zonas.

As linhas Biguaçu-Ratones e Itajaí-Biguaçu, que estão em fase de projeto, teriam impacto direto no município. “Queremos acompanhar junto à Aneel o traçado dessas linhas que passarão por Biguaçu, para alterar de forma a minimizar os prejuízos no território do município e para os moradores”, finalizou o prefeito.

Publicado em 10.10 Jornal Estado Notícias SC- Fonte e Imagem Dicom-

Leia Também:

Projeto criança com visão atendeu mais de 1.300 Estudantes na Palhoça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *