Prefeitura da Palhoça proíbe eventos e divulga ações contra o Convid-19

A Prefeitura de Palhoça está acompanhando os casos do novo Coronavírus (Covid-19). O município informa que, até o momento, não há casos suspeitos ou confirmados na cidade. Como forma de prevenção, o prefeito Camilo Martins, determinou nesta quinta-feira (12) a criação de uma sala de situação composta por membros das Secretarias de Saúde, Educação, Assistência Social e Defesa do Cidadão para controle, gestão e elaboração de estatísticas e estratégias para adotar na cidade. O grupo, que se reuniu já nesta quinta, definiu ações para o enfrentamento do novo Covid-19. As medidas que estão previstas no Decreto 2558/2020 assinado pelo prefeito, são:

·        Proibição de eventos que reúna mais de 200 pessoas em local aberto e/ou fechado a partir de segunda-feira (16);

·        Criação da Sala de Atendimento ao Cidadão para orientar a população, para auxílio pelo telefone 48 3220-0290, das 7h às 19h a partir de segunda-feira (16);

·        Determinou a capacitação com infectologista para preparar os funcionários das áreas da saúde, educação e assistência social a partir de segunda-feira (16) para realizar o atendimento à população nas Unidades Básicas de Saúde e instituições de ensino municipais;

·        Suspensão de eventos promovidos no Centro do Idoso e grupos direcionados à terceira idade. Recomenda-se ainda que eventos deste segmento realizados de forma particular também sejam suspensos;

·        Determina à concessionária do transporte coletivo que os ônibus circulem com vidros abertos, faça higienização constante dos veículos e que disponibilize álcool em gel para os usuários. Determina também que reforce a limpeza do terminal rodoviário;

·        Cancelamento do programa “Prefeitura com Você”, evento realizado nos bairros pela administração pública municipal;

·        Substituir o ar condicionado pela ventilação natural nas escolas municipais. É recomendada mesma medida às unidades particulares;

·        Recomenda que seja suspenso o uso de bebedouros de consumo direto de água nas escolas e creches municipais, orienta que os alunos utilizem garrafas de água individualmente ou copos descartáveis;

·        Recomenda ao comércio em geral que disponibilize álcool em gel para os consumidores;

O Procon vai fiscalizar, caso necessário lacrar e multar, os estabelecimentos que praticarem preços abusivos de materiais de higiene e combate ao vírus.

“Vamos seguir a orientação do Ministério da Saúde. Queremos que a população se tranquilize, mas permaneça alerta. É muito importante estarem atentos a informação, focar na prevenção. Novas informações  vão ser amplamente divulgadas para toda população nos nossos canais oficiais de comunicação”, informou o prefeito.

Todas as medidas são válidas por tempo indeterminado. De acordo com o prefeito, outras ainda podem ser adotadas a qualquer momento. Para quem apresentar sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar, a Vigilância Epidemiológica orienta a procurar a unidade de saúde do seu bairro ou a UPA 24h.

Publicado em 14.03.2020-Jornal o Estado Notícias SC- Fonte Pmp

Leia Também

Saiba tudo sobre a doença que o Coronavírus provoca !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *